Publicado por: Nikki | julho 3, 2009

Vencedores, Não-perdedores e perdedores

===Vencedores, Não-Perdedores e Perdedores===

As pessoas sempre influenciam seu meio em que vivem, seja no trabalho, no clube, ou em casa. O que muda é o tipo de influência: um vencedor irá transformar o seu meio num ambiente produtivo para seus objetivos, ainda que cause incômodo a outros que não dividem o mesmo ideal, ou visão que o vencedor. Um perdedor estará mais preocupado em diminuir os outros e causar caos no ambiente, em uma tentativa de trazer todos ao seu nível.

Um grande ponto para se notar um vencedor, não-perdedor ou perdedor são suas falas quando erram.

Um vencedor irá admitir o erro e trabalhar para evitá-lo da próxima vez. Então suas frases derivam de: “Sei que errei, mas isso não se repetirá.” ou “Agora sei como fazer isso funcionar.”

Um não-perdedor preocupa-se em não perder. Ele irá contar que, apesar do erro, houve um lado bom. “Não fiz por mal”, “Mas pelo menos eu fiz isso…”

Um perdedor não admite a derrota ou o erro, e culpa as circunstâncias ou algum fator externo. “Se eu tivesse feito isso…”, “Deveria ter feito aquilo…”, “Nem queria mesmo…”

Ou seja, um vencedor não é aquele que nunca erra, e sim aquele capaz de aprender com seus próprios erros. Ele pode cometer falhas, mas irá trabalhar para que esta não se repita. Ele não desiste de seus objetivos primários ou desejos autênticos, buscando alcançá-los por todos os meios que considerar possíveis. Um vencedor não “perde tempo” explicando suas falhas ou mesmo expondo-as aos outros. Sua preocupação está em eliminar aquele erro da próxima vez.

O não-perdedor, preocupado em não perder, estará satisfeito assim que fizer algo positivo. Então, mesmo que erre, poderá se desculpar dizendo que acertou em algum outro momento, ou que esse erro não foi tão prejudicial assim. Seus objetivo visam mais a acomodação, e chega a ser capaz de sublimar seus desejos autênticos em troca dessa acomodação, que ele transforma (na mente dele, não realmente) em “estabilidade”. Nem por isso é uma má pessoa, pois é capaz de realizar tarefas perfeitamente, desde que sinta-se confiante nisso.

O perdedor nunca irá admitir suas derrotas, e na visão dele, ele é um ser “perfeito”. Então, seus erros não existiram por culpa dele, e sim por fatores externos à ele. Irá justificar-se de todas as maneiras, ou apontar os erros dos outros, para que sinta-se seguro. Transforma (mentalmente) seus defeitos em virtudes – não compete porque está “acima desse nível”, ou desiste de algo porque convence-se de que “não precisa disso” ou “não é tão importante assim”. Ao invés de trabalhar para si, ou em sua melhora, estará mais preocupado em derrubar os outros para trazê-los ao mesmo patamar dele. Não vai reconhecer méritos alheios (“só conseguiu porque tinha isso”, ou “isso qualquer um faz”) e, sendo rejeitado, irá reagir com raiva e inveja.

===Aplicação nos fighting games===

Como isso define um papel no nosso meio, os fighting games? Você já deve ter deduzido boa parte, mas existem vários detalhes, muitas vezes alheios a nós, que permitem identificar o papel da pessoa em um torneio por exemplo.

Um vencedor não irá chorar sua derrota para os outros, ou se frustrar por ter perdido uma final. Ele admitirá a responsabilidade de seus erros, irá usar essa derrota como força propulsora para cumprir seu objetivo mais tarde (vencer o torneio), preparando-se mais e procurando seus erros nas lutas. Está em constante aprendizado, e irá buscar a vitória através dos meios que considerar necessários e possíveis. Não há bloqueios como “setup difícil demais” ou “perda de tempo”. Sua exploração em busca do ideal é contínua. Provavelmente um “tier whore”, se isso ajudá-lo em aumentar suas chances de vencer.

Um não-perdedor estará satisfeito se chegar entre as semi-finais, ou se vencer um adversário que ele considera difícil. “Fiz minha parte”, “Joguei bem”, “Tirei ele uma vez”, “Não foi de zero”… isso caracteriza bem um não-perdedor. Sua meta é não estar entre os últimos, e não necessariamente em primeiro. Às vezes, poderá até mesmo se sabotar, errando algo inconscientemente, para não ser o primeiro. Como é inconsciente, ele nunca sabe de fato porque errou, e poderá repetir o mesmo erro várias vezes até aprender.

Um perdedor não admite derrota. Ele se faz de vítima. A culpa será do controle, do adversário, da “apelação”, do match-up, tier… para ele, há milhares de desculpas, menos o fato real negado por ele: ele causou sua própria derrota. Para esconder isso, irá zombar dos outros que também perderam, e irá desmerecer a vitória do adversário, criando intrigas e com inveja. Em sua visão, ele é um grande player, mas as circunstâncias que não permitem que ele vença (“não deu tempo de treinar”, “estava resfriado ontem”…).

Fica remoendo suas derrotas e justificando-as (“se eu tivesse feito aquilo teria ganho…”, “o golpe não saiu”, “perdi porque o match-up é muito difícil..”), ao invés de procurar soluções. Como ele não evolui, prefere trazer os outros a seu nível, seja com provocações fúteis, agredindo (verbalmente ou mesmo fisicamente), com o objetivo de fazer os outros cometerem um erro (xingá-lo, agredí-lo) para que ele possa usar isso como argumento contra os outros.

===Ação===

Esses comportamentos não são únicos na pessoa, podendo se alterar conforme o ambiente em que se encontra e suas ações. Essas ações da pessoa ditam a alteração do comportamento. Ninguém É um vencedor, e sim mantêm-se vencedor. Enquanto suas ações tiverem um objetivo e forem produtivas (mesmo um erro pode ser produtivo para o aprendizado), e não destrutivas, a pessoa estará se comportando como um vencedor.

Baseado no texto de Anna R. Nabergoi

Agradecimentos: Professor Virgílio – Bananére Blog
Fundação ACL – Auto-realização, Comunicação e Liderança – Site ACL

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: